terça-feira, 25 de março de 2014

Lua de Sangue - Nora Roberts


Lua de Sangue
Carolina Moon

Nora Roberts
Livro Único

Editora Ulisseia (2006)
442 páginas

Origem: Biblioteca
5/7 - Gostei




Tory Bodeen viveu a sua infância na Carolina do Sul, numa pequena casa degradada, onde o pai imperava com um punho de ferro e um cinto de cabedal. Em compensação, porém, havia a pequena Hope, que vivia ali perto, e cuja amizade tornava possível que Tory fosse aquilo que lhe não permitiam ser em sua casa: uma criança. Depois do brutal assassínio de Hope, que a polícia jamais esclareceu, a vida de Tory começou aos poucos a desfazer-se. Mas agora prepara-se para regressar à sua terra natal. À medida que forja novos laços de afecto com Cade Lavelle, o irmão mais velho de Hope, não consegue no entanto ter a certeza de que a tragédia que ambos experimentaram contribua de facto para os aproximar. Viver assim tão colada à memória de uma infelicidade que tanto a marcou virá a revelar-se mais difícil e mais assustador do que Tory alguma vez imaginara. Até porque o assassino de Hope anda também por perto.


Pensamento: Um bocadinho de revisão não faria mal a este livro...

Lua de Sangue é um livro assombrado por dois acontecimentos: os constantes maus-tratos sofridos por Tory e o assassinato de Hope, a sua melhor amiga, aos oito anos. O livro inicia-se quando Tory já é mais velha, aos vinte e oito anos, e estes acontecimentos são contados em retrospectiva. No entanto, como os dois malfeitores nunca foram apanhados ou condenados, toda a história é assombrada por eles. E digo isto, porque durante toda a leitura, nunca me esqueci deles e estava sempre à espera do seu aparecimento ou de um acontecimento provocado por algum deles. Infelizmente isso não me permitiu desfrutar plenamente da história, uma história com romance, reconciliação quer com o passado, quer entre pessoas ou de pessoas para com elas mesmas. Mas o facto de não ter desfrutado ou relaxado na leitura foi defeito meu, mesmo. Porque esta é uma boa história, com boas personagens. Temos Tory, uma pessoa frágil devido a tudo o que lhe aconteceu (que não foi só maus-tratos por parte do pai), mas que é mais forte do que pensa. Esta vai encontrar em Cade, o irmão mais velho de Hope, um suporte, alguém em quem pode confiar e entregar.se por completo. A irmão gémea de Hope, Faith, é uma adição valiosíssima à história, e apesar de não ter gostado dela ao princípio, ela foi-se redimindo ao longo da história, fazendo com que eu gostasse cada vez mais dela.
Este é um livro que recomendo, é uma boa história de Nora Roberts. Não é uma das minhas favoritas, é certo, mas isso são gostos. O que interessa é que foi bem construída, tem ingredientes bem escolhidos e medidos e vão ser uma boa leitura para quem se aventurar. :)

6 comentários:

  1. Viva,

    Apenas li um livro da Nora Roberts, gosto mais de Romances Históricos, Fantasia e FC que foi a Dama Negra e gostei, foi uma leitura diferente do que estava à espera, pois mesmo havendo romance, foi secundário .)

    Mas espero ainda voltar a ler e vejo que gostaste do livro, bom sinal ;)

    Bjs e boas leituras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Fiacha! A Dama Negra foi um livro que adorei ler e já reli umas duas vezes. Infelizmente ainda não a tenho na minha estante -.-"
      Espero que encontres mais livros que gostes desta autora - não me caso de a promover, já que é das minhas autoras favoritas. Acho que encontras mais histórias como a Dama Negra nos livros únicos da NR. As trilogias normalmente têm mais romance. Boas leituras!
      Beijinho

      Eliminar
  2. Olá Sara!Por acaso vi o filme relacionado com este livro, se nao estou em erro chama-se "Carolina Moon" lembro -me que na altura até que gostei.
    bjins

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Carol! Não sabia que havia filme baseado neste livro! Só sabia do High Noon... fui agora ver no IMDb, e afinal ainda há uma data de filmes baseados em livros da NR. Tenho de ir ver.
      Obrigada por falares nisso. :)
      Beijinho

      Eliminar
  3. Olá Sara!de nada. se vires o filme depois diz o que achaste ;)
    È verdade existem muitos filmes baseados nos livros de NR.
    beijinho

    ResponderEliminar